Pular para o conteúdo

Óleo de rícino é extraído da mamona

Óleo de rícino é extraído da mamona

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

 O óleo de rícino é extraído da mamona. Atualmente, existem diversos produtos que são utilizados para fins medicinais. Dentre esses produtos, está o óleo de rícino, um óleo vegetal produzido a partir da semente da mamona.

A mamona é uma planta nativa da Ásia e possui diversas propriedades benéficas. O óleo de rícino é, basicamente, um óleo refinado da semente da mamona. Esse óleo possui diversas propriedades benéficas e, por isso, é utilizado para tratar várias doenças.

oleo de ricino

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

O óleo é utilizado para tratar várias doenças, como a diabetes, a obesidade, a caspa e a acne. Essas propriedades benéficas são consequência de seu alto teor de ácido ricinoleico, um ácido graxo essencial. Ele ajuda a melhorar a circulação sanguínea, reduzir a inflamação e diminuir a dor.

Também contém a vitamina E, um antioxidante que ajuda a proteger o organismo dos radicais livres.

Como já dissemos, o óleo é produzido a partir da semente da mamona. A semente é um fruto seco e sofre um processo de refino para se produzir o óleo. Esse processo é realizado através da extração do óleo da semente por meio de um solvente.

mamona
mamona

Depois da extração, o óleo é filtrado e limpo, para remover impurezas e resíduos. Por fim, o óleo é pasteurizado e envasado. Esse processo de produção é complexo e, por isso, o óleo de rícino é um produto caro.

Apresenta propriedades antimicrobianas, que são responsáveis por combater os micro-organismos e, consequentemente, ajudam a prevenir o surgimento de doenças.

Por fim, o óleo possui propriedades hidratantes, que ajudam a manter a pele hidratada e saudável.

O óleo de rícino muito conhecido, já usado há muito tempo, e um produto importante para a saúde e deve ser utilizado regularmente.  Ele pode ser usado também na higiene capilar para combater à caspa e piolhos.

Leia também Agro Negócio