Pular para o conteúdo

Cotações milho em 2022

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

Cotações milho em 2022

A partir de 2020, os Estados Unidos produziram uma safra recorde de milho, relata o The Washington Post. A produção deste ano deverá ser ainda maior, e especialistas prevêem que o país produzirá mais de 319 milhões de sacas de milho em 2022. Alguns dizem que essa abundância de milho pode levar a problemas como escassez de alimentos e inflação de preços. Outros acreditam que o milho excedente criará novas oportunidades para agricultores, empresas e consumidores.

Produção de milho no Brasil cresce

Produção de milho no Brasil cresce
Produção de milho no Brasil cresce

A produção de milho no Brasil está crescendo a cada ano, de acordo com o Departamento de Agricultura dos EUA. A expectativa é de que o país produza um volume recorde de milho este ano, totalizando 85 milhões de toneladas. Isso é superior às 73,5 milhões de toneladas métricas produzidas em 2016.

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

A indústria de soja do Brasil tem crescido nos últimos anos, e os agricultores estão plantando mais milho para dar espaço à soja. Os preços do milho também estão relativamente estáveis, o que encorajou os agricultores a plantar mais acres.

Os Estados Unidos ainda são o maior produtor mundial de milho, mas a produção do Brasil está crescendo rapidamente e pode ultrapassar os Estados Unidos em alguns anos.

Cotações milho em 2022. Preços do milho devem subir

Os preços do milho devem subir no futuro próximo, como resultado das secas que vêm afetando muitas partes dos Estados Unidos. As secas causaram uma diminuição na oferta de milho, enquanto a demanda por ele continua crescendo. Esta é uma notícia especialmente ruim para os pecuaristas, que terão que pagar mais pela ração. Também é provável que leve a um aumento nos preços dos alimentos.

Produção de milho mais alta do que nunca

Iowa é o estado produtor de milho número um nos Estados Unidos. Em 2013, os agricultores de Iowa colheram 2,37 bilhões de bushels de milho, acima dos 2,27 bilhões de bushels em 2012. O rendimento médio por acre foi de 201 bushels, acima dos 190 bushels em 2012.

O aumento da produção deve-se às variedades de sementes melhoradas e à tecnologia que os agricultores estão a utilizar hoje. Os híbridos de milho são criados para resistir a condições de seca e pragas, o que ajudou a aumentar os rendimentos nos últimos anos.

Os agricultores também estão usando técnicas de agricultura de precisão, como mapeamento por GPS e aplicação de taxa variável de fertilizantes e pesticidas, para direcionar os insumos com mais precisão e melhorar os rendimentos.

As condições de seca afetam a quantidade de milho produzido

As condições de seca que vêm afetando o Centro-Oeste também vêm afetando a safra de milho. A quantidade de milho que se espera produzir este ano está baixa, devido à falta de chuva e às altas temperaturas. Isso provavelmente levará a preços mais altos do milho, bem como de outros produtos feitos de milho.

Cotações milho. Inundação afeta transporte de milho

As inundações dificultaram o transporte de milho no Centro-Oeste, resultando em preços mais altos. A falta de caminhões disponíveis causou uma escassez de transporte, o que elevou o preço do milho. O custo do transporte ferroviário de milho também aumentou, pois várias empresas ferroviárias pararam de enviar porque seus trilhos estão inundados. Isso está causando problemas para as usinas de etanol, que precisam importar milho de outras partes do país.

Leia mais Agro Negócio