Pular para o conteúdo
- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

De acordo com a estimativa do IMEA para a safra 2022/23 do algodão em Mato Grosso, área estimada para a permanência da cultura em 1,18 milhão de hectares, área consolidada da safra 2021/22

O cenário de manutenção na área deve-se às incertezas quanto à economia global, que tende a diminuir o consumo pela pluma, somadas às expressivas desvalorizações sem preço pela pluma na bolsa de Nova York, desmotivando ou investindo os produtores em fibra.

Não que se refira à produtividade média, a produção permanente em 278,26 @/ha, devendo variar de acordo com fatores como as condições climáticas e o ano ideal de semeadura. Com isso, considerando a área e a produtividade dos municípios, a relação anterior a uma produção de algodão de 4,91 milhões de toneladas para Mato Grosso, quantidade 12,19% maior que a consolidação da safra de algodão 2021/22, deve ser a expectativa de um retorno maior para o ciclo.

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

De acordo com a análise da semana anterior, “Após semanas de movimentações voláteis do algodão, os contratos da fibra na Bolsa de NY exibiram queda No entanto, após o anúncio da flexibilização das restrições chinesas no que tange à política de Covid-zero, o Comitê Nacional de Saúde da China divulgou, na na última segunda-feira (21), que o país tem aumento no número de casos de Covid-19”.

Siga-no: Facebook | Instagram | Vocêube

Mercado financeiro

algodao
  • Baixa: reflexo da desvalorização do dólar nos últimos dias, em julho de 2023 apresenta-se uma baixa taxa de 0,98% na comparação semanal, especificada na média de R$ 155,35/@;
  • Redução: com os sinais de moderação monetária aberta pelo Banco Central americano, o dólar corrente exibiu alta de 1,52% em relação à semana passada;
  • Desvalorização: sem sinais de reação por parte de demanda do subproduto, o preço de caroço de algodão disponível no Mato Grosso mostra baixa de 1,09% na semana;

Por Daniele Balieiro com informações do Imea

AGRONEWS® é informação para este produto