Pular para o conteúdo

Agricultura no Brasil quais as melhores regiões?

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

Agricultura no Brasil quais as melhores regiões?

A agricultura no Brasil é uma das principais atividades que definem as bases da economia do país. Considerando os 50 maiores municípios produtores agrícolas, podemos, com certeza, afirmar que eles são responsáveis por quase 36% do PIB (Produto Interno Bruto).

Nos últimos anos, o Brasil vem se destacando no cenário mundial como um dos principais produtores de alimentos, o que tem contribuído para o seu crescimento econômico.

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -
Agricultura no Brasil
Agricultura no Brasil

Agricultura no Brasil

Mas qual é a região do Brasil que apresenta a maior produção agrícola?

O Brasil é um dos países com mais as maiores regiões produtoras agrícolas do mundo.

Entretanto, nem todas elas têm a mesma produtividade, rendimento econômico, clima e condições de produção. Por nossa extensa dimensão territorial, os estados brasileiros sofrem constantemente influência das condições climáticas, o que afeta diretamente a produção agrícola.

Por isso, neste artigo, reunimos informações sobre as melhores regiões no Brasil para produzir agricultura, em ordem de produtividade.

Quem lidera essa lista é Sorriso, um município de Mato Grosso, mas estados como Mato Grosso do Sul, Bahia e Goiás também se destacam em termos de produção.

Para responder a essa pergunta, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) realizou um estudo sobre a produção agrícola nos municípios brasileiros. De acordo com os dados do estudo, os estados com maior produção agrícola são:

1 – Mato Grosso

2 – Rio Grande do Sul

3 – Paraná

4 – Minas Gerais

5 – São Paulo

6 – Santa Cataria

7 – Goiás

8 – Bahia

9 – Piauí

10– Ceará

Onde está melhor o desempenho da produção agrícola

Os resultados do Programa de Resultados de Acompanhamento Sustentável (PRA) da Agricultura Brasileira, apresentados pelo Ministério da Agricultura e pela ONU para a Alimentação e Agricultura (FAO), põe o Brasil em boa posição em relação à áreas produtivas, sendo a quarta maior do planeta. Embora os resultados sejam bons, o Brasil ainda precisa melhorar sua infraestrutura para ser mais competitivo.O estudo mostrou ainda que o valor da produção agrícola dos municípios brasileiros tem crescido bastante nos últimos anos. O valor da produção agrícola dos municípios com maior produção foi de R$ 135,5 bilhões e no mesmo ano, o valor da produção agrícola dos municípios com menor produção foi de R$ 36,5 bilhões.

A agricultura brasileira é diretamente responsável pelo crescimento do PIB brasileiro. A produção de commodities como soja, milho, café, entre outros, têm um grande peso na economia do país.

Por isso, a escolha das melhores regiões produtoras no Brasil pode ser um diferencial ao investir ou plantar em terras brasileiras.

Para Sapezal (MT), líder na produção de algodão, o PIB agro em relação PIB do município é de 54,5%; para São Desiderio (BA), líder do algodão na Bahia, a participação do PIB é de 66,5%. Para Diamantino (MT), é de 54,3%, e em Formosa do Rio Preto, a participação é de 64,0%.

O valor médio da produção dos 50 municípios com maior valor da produção é de R$ 1,521 bilhão. O estudo também mostra que o valor da produção agropecuária nas cidades brasileiras cresceu significativamente nos últimos anos. O valor da produção agrícola das cidades mais produtivas foi de R$ 135,5 bilhões e, no mesmo ano, o valor da produção agrícola das cidades menos produtivas foi de R$ 36,5 bilhões.

A agricultura brasileira é diretamente responsável pelo crescimento do PIB brasileiro. A produção de commodities como soja, milho, café, etc. desempenha um papel importante na economia do país.

Agricultura no Brasil

Por isso, ao investir ou plantar em terras brasileiras, escolher as melhores regiões do Brasil pode fazer a diferença.

Para Sapezal (MT), líder na produção de algodão, o PIB agropecuário responde por 54,5% do PIB do município; São Desidério (BA) é o líder algodoeiro na Bahia com participação de 66,5% do PIB. Diamantino (MT) está com 54,3% e Formosa do Rio Preto com 64,0%.

A agricultura brasileira é diretamente responsável pelo crescimento do PIB brasileiro. A produção de commodities como soja, milho, café, etc. desempenha um papel importante na economia do país.

Por isso, ao investir ou plantar em terras brasileiras, escolher as melhores regiões do Brasil pode fazer a diferença.

Para Sapezal (MT), líder na produção de algodão, o PIB agropecuário responde por 54,5% do PIB do município; São Desidério (BA) é o líder algodoeiro na Bahia com participação de 66,5% do PIB. Diamantino (MT) está com 54,3% e Formosa do Rio Preto com 64,0%.

Nesse grupo de munícipios, por ordem de valor financeiro temos Sorriso (MT), Sapezal (MT), São Desiderio (BA), Campo Novo dos Parecis (MT) e Rio Verde (GO).

O milho, o algodão e a cana-de-açúcar foram os principais produtos que influenciaram esse crescimento.

Agricultura no Brasil: Valor do PIB x Produção agrícola

Os municípios que lideram a produção de soja e milho, em sua maioria também aparecem nas primeiras posições de geração de valor do algodão herbáceo. Esses são, caracterizadamente os municípios que também lideram os níveis de produtividade.

Portanto, podemos concluir que os municípios com maior produção agrícola do país apresentam uma participação alta do seu PIB. Os municípios com maior valor da produção agrícola do país têm, em média, uma participação alta de seu Produto Interno Bruto (PIB) agropecuário no PIB total do município.

Sorriso, em Mato Grosso, é o município brasileiro com maior valor da produção agrícola. O município é líder isolado na produção de milho e soja.

Além de Sorriso, 21 municípios de Mato Grosso estiveram no ranking dos maiores valores da produção. Goiás, Bahia e Mato Grosso do Sul, aparecem com seis municípios cada.

Já Morro Agudo, em São Paulo, se destaca na produção de cana-de-açúcar. O plantio dessa cultura gerou, no município, um valor da produção nunca antes alcançado. Nova Alvorada do Sul, em Mato Grosso do Sul, e Mineiros, em Goiás, também estão entre as cidades que geraram maior valor da produção com esse plantio.

O café, que já foi o principal produto de exportação do país, é um dos destaques de Minas Gerais. Apesar da queda no volume de produção, o estado foi responsável por alto percentual de produção de todo o café arábica do Brasil. Patrocínio, cidade do interior mineiro, liderou o valor da produção do café em grão e foi seguida por Rio Bananal e Linhares, ambas no Espírito Santo.

Podemos dizer que a produção agrícola no Brasil é incessante, e caso os grandes latifundiários encontrem dificuldades em negociar determinado produto, com muita agilidade, conseguem migrar para outras regiões e iniciar o investimento em outro produto tão rentável quanto o anterior.

Este panorama que apresentamos te ajudou a entender um pouco mais o cenário nacional?

Esperamos que sim.

Leia também Agro Negócio

Deixe seus comentários!!