Pular para o conteúdo

Empresa foca no mercado de marcas próprias e traz novidades – Uai Agro

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

Acontece nesta semana, o Superminas 2022, em Belo Horizonte. O evento reúne empresas de todo o estado para apresentar novidades para o setor industrial alimentício. O Food Show deste ano conta com a participação da Jequitinhonha Alimentos, indústria localizada na cidade de Capelinha, Vale do Jequitinhonha. A empresa que  investiu R$10 milhões na nova unidade fabril e tem capacidade para a produção de 1800 Kg de café por hora, vai abordar sobre o mercado de marca própria.

Mercado de Marca Própria no Brasil

No Brasil, a participação de mercado das marcas próprias é em torno de 4,5 a 5%, segundo os dados da Associação Brasileira de Marcas Próprias e Terceirização (ABMAPRO). Nos Estados Unidos e França, o alcance é de 20% e, na Inglaterra, 42% de tudo que é vendido. O CEO da Jequitinhonha, Luiz Carlos Moreira Barbosa, afirma que o Brasil possui um potencial enorme de crescimento, mas que são poucas as indústrias preparadas para este mercado. “Em quatro ou cinco anos, a expectativa é que chegue a 10% no Brasil. É um caminho sem volta, porque o consumidor se acostuma com preços mais acessíveis e qualidade. O investimento que fizemos garante mais segurança alimentar e processos ainda mais limpos e sustentáveis”, avalia.

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

Estande da empresa durante o último Superminas, em 2019. (Foto: Divulgação)

Como funciona

O Mercado de Marca Própria nada mais é do que o empresário ter marca do produto, e contratar o serviço de uma indústria para fazer o envazamento. No caso, a Jequitinhonha alimentos se preparou para atender esta demanda e se destaca como uma das 10 maiores indústrias de Minas.  Ela foi fundada há 23 anos e recentemente adquiriu um maquinário completo, totalmente tecnológico que permite a seleção, torra e o empacotamento de um café puro, com padrão de excelência certificado com Selo de Pureza e Qualidade da Associação Brasileiro da Indústria de Café (ABIC). “Nós buscamos uma tecnologia que agregasse volume e agilidade na produção, mas que, sobretudo, mantivesse o mais alto grau de pureza do Café Jequitinhonha, preservando o sabor artesanal que nos trouxe até aqui”, explica o CEO.

A empresa estará presente no Superminas 2022, entre os dias 18 e 20 de outubro.