Pular para o conteúdo

BNDES financia nova fábrica de fertilizantes no Paraná

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai apoiar a construção de uma unidade industrial e instalações para armazenamento de insumos para produção de fertilizantes em Paranaguá, no litoral do Paraná.

No valor de até R$ 60,9 milhões, o financiamento será concedido à Adubos Araguaia, por meio do programa BNDES Finem.

- - - - - PUBLICIDADE - - - - -

A nova fábrica permitirá a expansão logística da empresa para novos mercados agrícolas nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil.

O projeto industrial inclui obras civis e montagens para construção de uma fábrica de mistura de fertilizantes e de um armazém para distribuição de insumos.

Também serão erguidas estruturas para suporte à operação, como guaritas e instalações administrativas.

A construção da unidade industrial vai permitir que as matérias primas importadas, que representam 80% dos insumos necessários para as formulações dos fertilizantes da Araguaia, sejam desembarcadas.

As matérias primas nacionais, por sua vez, serão transportadas por rodovias até a nova unidade de produção.

Além destes ganhos logísticos, a empresa aproveitará o novo armazém para o estoque de insumos em níveis suficientes para suportar eventuais dificuldades de entrega por parte de fornecedores estrangeiros.

A Adubos Araguaia Indústria e Comércio foi fundada em 1978, e hoje é uma das maiores distribuidoras de fertilizantes da região Centro-Oeste do Brasil.

A empresa possui cinco fábricas de mistura de fertilizantes, e mais de 40 lojas comerciais.

A produção e comercialização do mix de fertilizantes, defensivos e sementes corresponde a 95% da receita da empresa. Além destes produtos, A Adubos Araguaia presta assistência técnica para os processos de plantio e colheita.

fertilizantes, porto